Top
Tecnologia e Inovação

Inteligência Artificial chinesa vai recriar vozes de autores falecidos

A empresa chinesa Sogou, desenvolvedora de um mecanismo de pesquisa equivalente ao “Google” do país, já havia criado e posto em prática o projeto de criar âncoras de telejornalismo inteiramente feitos com inteligência artificial, no final de 2018. 

Esses âncoras, são utilizados pela agência estatal Xinhua e têm uma reconstrução muito fiel à aparência humana. Ainda assim, acaba ficando claro para os expectadores que se tratam de cópias e não pessoas de verdade. 

Agora, em 2019, além de inovar com os âncoras, a Sogou também vai trazer novidades no uso da tecnologia, pois vão recriar as vozes de escritores falecidos, também pelo meio da inteligência artificial. O objetivo desse novo projeto é conseguir disponibilizar audiobooks com narração de voz dos próprios autores. 

Interessante imaginar como vão ficar essas interpretações, né?  

Só fica aí a questão: Será que as vozes realmente ficarão parecidas com os autores? Vamos esperar para descobrir! 

Fonte: Brainstorm9. IA usada para criar ancoras chineses não humanos vai recriar voz de autores falecidos. Disponível em <https://www.b9.com.br/112498/ia-usada-para-criar-ancoras-chineses-nao-humanos-vai-recriar-voz-de-autores-falecidos/>. Acesso em 16 de Agosto de 2019. 

Leave a reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *